sao joao assu

Pesquisa eleitoral tem indícios de manipulação

A pesquisa encomendada pela empresa de comunicação TCM, que tem em seus quadros a Rádio Princesa do Vale, e realizada pela empresa TS2 Soluções para sondar a intenção de votos no município de Assú, tem recebido diversas críticas  ao modo com o qual distribuiu seus questionários, o que pode ter feito com que os números apresentados não reflitam a realidade local.

Segundo informações, a empresa aplicou apenas 8% dos questionários na zona rural do municípios, sem levar em consideração que as comunidades representam 25% da população, segundo dados oficiais. Além disso a proporção entre as próprias comunidades também não teria sido respeitada.

Já na cidade, bairros que dariam um margem de votos muito elevada para o atual prefeito tiveram o números de questionários reduzidos enquanto mostrando assim uma possível manipulação do resultado.

A empresa teria sido contratada para um levantamento preliminar, que não foi divulgado, o que teria servido de parâmetro para que a pesquisa mostrasse um resultado favorável ao candidato de oposição.

anuncie

Reges - Sites para prefeituras