PMA Outubro Rosa

TCE/RN decide que servidor do GNO não poderá receber abaixo do salário mínimo

Uma importante vitória do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do Estado do RN (SINSP/RN), o Tribunal de Contas do Estado do RN (TCE/RN) fez a alteração de seu entendimento e confirmou que nenhum servidor do Grupo de Nível Operacional (GNO), antigo Auxiliar de Serviços Gerais (ASG), pode receber seu salário base inferior ao salário mínimo em vigor no Brasil.

A presidente Janeayre Souto, e até então assessor jurídico do Sindicato, Manoel Batista, foram recebidos pelo próprio presidente do TCE/RN, Poti Júnior, que informou que o plenário do Tribunal passou a compreender o mesmo posicionamento do SINSP/RN, registra informação reproduzida por intermédio do portal virtual da entidade sindical.

anuncie

Reges - Sites para prefeituras